16/11/2007

Bach: Karl Richter no órgão da Basílica de Ottobeuren



Não há duas sem três: peço desculpa aos caros sócios deste blogue pela "overdose" (no entanto, pode-se alguma vez apanhar uma overdose de Bach!?), mas queria completar uma pequena trilogia deste compositor com um dos seus maiores intérpretes no órgão, o maestro Karl Richter (1926-1981), aqui no majestuoso Dreifaltigkeitsorgel (Órgão da Trindade) da Basílica de Ottobeuren.
Outra vez não há acesso directo ao vídeo.
O link é http://www.youtube.com/results?search_query=karl+richter&search=Search , depois é o primeiro vídeo (e o segundo também, vejo agora...).

2 comentários:

Susana Serrano disse...

Rini, podes sempre carregar na dose de Bach. Gostei imenso deste vídeo. Claro que o vou acrescentar à minha colecção.
Suco

Rini disse...

Além da interpretação de Richter são também emocionantes as imagens do órgão, é a obra máxima do construtor Karl Joseph Riepp, um instrumento com 66(!) registos que demorou nove anos para construir (1757-1766). Riepp (1710-1775) deve ter conhecido o próprio J.S.Bach (1685-1750). Segundo o site http://de.wikipedia.org/wiki/Karl_Joseph_Riepp ele construiu sobretudo órgãos nos catedrais de Borgonha (Besançon, Autun, Dijon, Beaune, Chalon-sur Saône), onde tinha também um negócio muito próspero de vinho, uma boa vida!
Depois de esta descoberta apetece-me voltar a essa região para fazer uma peregrinação, fiz lá viagens e vindimas durante uns 20 anos...