26/10/2007

Para grandes males, grandes remédios: O Clube do Riso


Para quem ficou um pouco deprimido com o post anterior aqui uma sugestão:
O Clube do Riso da "Espiral" (Jardim Cesário Verde, junto ao Largo Dona Estefânia).
Uma actividade, baseada no Yoga do Riso (Hasya Yoga) e orientada por uma Professora Certificada ("Certified Laughter Yoga Teacher")
Mensalidade: 25 euros (uma hora semanal), sessão individual: 7 euros.

Para mim pessoalmente, a mera leitura deste folheto (clicar para ampliar) já foi uma boa terapia do riso...

4 comentários:

xistosa disse...

Já na pré-história era assim!
Quem mostrava os dentes, ria-se mais!
(os outros, com o medo ficavam mudos e quedos)

Não gosto de me gabar, mas há muito que o meu espelho, a "xistosa", advogava, em 2006, salvo erro, Junho, que rir faz bem.
Nem temos que contar dinheiro, não podemos, pois o riso provoca tremores ou tremuras e podemos deixar cair as moedas.
Isto é uma invenção deste governo.
Ainda bem que moro na Maia e as viagens são caras para Lisboa.
Bom fim de semana e riam-se muito dos nossos políticos, eu farei o mesmo!

rui disse...

É o que me faz andar - Rir. Felizmente é uma das características do meu trabalho e é das coisas que me dá mais prazer.

zé lérias disse...

Dizem desde sempre que rir faz bem, seja qual for o método utilizado para o efeito.
Eu concordo e até penso que os melhores resultados poderiam ser aqueles que resultam duma grande gargalhada que dessemos de nós mesmos...

Um abraço e bom fim-de-semana

Fábula disse...

eu gosto de yoga, mas esta do riso... ultrapassa-me! :p