04/05/2008

Dia da Mãe 2008 (sim, 2008)


Hoje visitei a exposição "Dormitorium - Cenários dos filmes dos Irmãos Quay" no Museu da Marioneta, Convento das Berardas, Rua da Esperança, Santos-o-Velho, Lisboa (muito recomendado, info no site http://museudamarioneta.egeac.pt/ ).
Nos escaparates com publicações culturais do museu encontrei também uma revista de moda com imagens da modelo Isabel Figueira, título da revista: "Woman again".
Isabel Figueira é mãe de um bebé de um ano....
Tive logo um pressentimento, confirmado pelo texto do editorial da revista:
"Entrando numa nova etapa da sua vida e carreira, Isabel Figueira sente-se mais sensual e atraente que nunca no editorial de moda realizado pela Chick Intimate Cult. O título, "Woman again", é simbólico porque a lingerie representa a exaltação da beleza feminina e para Isabel (que está deslumbrante) representa o desafio de voltar a transmitir toda a sua sensualidade numa sessão de moda, depois da sua vida dar uma volta de 180 graus com o nascimento do seu primeiro filho."
Parabéns, mães...

4 comentários:

Rini Luyks disse...

Primeiro é a imprensa cor de rosa a transformar a "famosa que dá à luz" num elemento da sociedade do espectáculo/consumo, depois do parto o espectáculo continua: "Woman again" (mas então o que era ela durante a gravidez!?).
Não sou especialista em filosofia marxista, mas parece-me um exemplo do conceito "Verdinglichung" ("coisificação" ou "objectificação"), o transformar do ser humano e das relações humanas (até o processo de procriação) em objectos (de consumo, claro!)
Faz agora 40 anos que eclodiu a Revolução de Maio '68. Ainda me lembro que discutimos (estudantes no início da década de '70) assuntos deste género em aulas de filosofia, lembro-me por exemplo da obra de Herbert Marcuse: "One Dimensional Man" que me fez muita impressão. Às vezes parece que não avançámos muito desde 1968 (só ficámos mais velhos...)

Anónimo disse...

Neste e noutros domínios não avançámos mesmo nada, fica aqui um outro exemplo, este de 1982:

http://www.tni.org/detail_page.phtml?page=books_food

Dervich

Rini disse...

Com certeza, Dervich, estás a referir-te ao livro "Food for Beginners" de Susan George (já de 1983!?). Vi na net que existem também traduções em português: "Alimentação para Principiantes" e "A Fome no Mundo para Principiantes" (da mesma autora), editora Webboom.pt.
Ideias para a próxima Feira do Livro!

Anónimo disse...

Exactamente!

A editora D.Quixote publicou este livro (e outros idênticos na mesma série) ainda no rescaldo das ondas de choque do PREC em Portugal e tiveram um relativo sucesso de vendas.

Mais tarde, em meados dos anos 90, em pleno período de euforia económica pós Cavaco, estes livros foram considerados ultrapassados e deixaram de vender. Foi então (sempre fui do contra)que comprei os meus exemplares novíssimos, na Feira do Livro, a 200$00 (1€) cada um! Comprava aos 3 de cada vez!

Agora pedem de novo quase 10 € por cada um, sinais dos tempos?!...
Dervich