08/05/2008

Acidente surreal

O melhor é transcrever a notícia:

"Rezavam o terço em voz alta pouco depois de reiniciar a caminhada que os levaria até Fátima, quando foram apanhados desprevenidos por um carro desgovernado. Os cerca de 80 peregrinos mal se aperceberam quando pelas 05.30 horas, um condutor de 20 anos que regressava da Queima das Fitas no Porto, adormeceu e os abalroou quando seguiam na Estrada Nacional nº 1, no Lugar da Vergada, Santa Maria da Feira (1). Nove pessoas, entre os 27 e 74 anos, ficaram feridas, Uma delas, um homem de 50 anos em estado muito grave, encontra-se em "coma e com ventilação mecánica" devido a um "traumatismo crânio-encefálico grave".....
"Apesar do acidente, nenhum dos peregrinos apontou um dedo acusador ao condutor (2). O rapaz apresentava uma taxa zero de alcoolémia (3), tendo-se despistado porque adormeceu ao volante. "Não nos apercebemos de nada, aquilo foi de repente e cairam pelo menos 12 pessoas com o embate", contou ao DN (a fonte da notícia) Olinda Araújo, uma das peregrinas que continuou caminho. "Continamos, que remédio...meu Deus, se não fosse para cumprir uma promessa nem vinha, que custa muito" (4) , admite, adiantando que "o rapaz adormeceu mas deu-se logo como culpado (5) e ficou lá até serem todos levados para o hospital. O que nos valeu foi que ele travou porque vinha muito devagar, foi a nossa sorte" (6).

Notas:

(1) 80 peregrinos às 05.30 horas na Estrada Nacional nº 1, ainda por cima no Lugar da Vergada. Não encontro a palavra "vergada" no Dicionário da Língua Portuguesa, mas penso que "verga" está para "vergada" com "vergalho" está para "vergalhada". Estes peregrinos estavam a tentar o Diabo, estavam a pedi-las, nem Nossa Senhora de Fátima os salvava...
(2) Foi Deus.
(3) Um estudante vem da Queima das Fitas às 05.30 horas e apresenta uma taxa zero de alcoolémia!!??
É um santo! Foi mesmo Deus.
(4) 80 peregrinos, 12 são atropelados, mas os outros continuam a peregrinação, pois têm uma promessa a cumprir. Sei que posso hostilizar metade da população portuguesa com esta afirmação mas para mim são mentecaptos, todos!
(5) Outra razão para "ninguém apontar um dedo acusador": nomeadamente na região do Porto ultimamente os condutores têm fugido depois dum atropelamento.
(6) É só imaginar esta situação. Surreal, mesmo.

6 comentários:

xistosa disse...

Beber ... ou não ...
Acredito!
Os meus dois filhos, um de 32 e outra de 28, nunca beberam.
Ele já se despitou ás 5 da manhá, mas teve sorte, não havia peregrinos ou ... outros peões a horas impróprias e em locais onde não deveria haver aglomerações.
Nunca investi na bolsa, (de acções), na outra, há mais de 55 anos já tinha uma de sarapilheira, para meter o quadro e o giz, essa, felizmente, mas à custa de "porrada", deu frutos.
Agora a nova bolsa, de Fátima, onde se investiram milhões, não sei se em espelhos, para os peregrinos ou crentes se mirarem, deve render e urgentemente ... apesar do negócio estar mal.

Por coincidência, acabei de deixar escrito, num blog amigo que, há muitos, mas mesmo muitos anos, fora umas aldrabices mal urdidas, não tem havido milagres, como aquele ...
Não sei se terá sido a nossa actual propensão, para não acreditar ... ou melhor, sermos como S. Tomé, (se é que existiu e foi como dizem), ver para crer ...

Necessitam-se milagres ... talvez um pouco mais para Sul, assim pela capital do reino, onde estão os foliões ...

Anónimo disse...

Vergada = Mulher curvada, dobrada?!
(não sei, digo eu...)

Vinha a dormir mas, mesmo assim, travou!... Vá lá vá lá, não foi como alguns que acordados não travam!...

Ah, tá explicado: "Travou porque vinha devagar" assim tá bem, é óbvio que ninguém trava quando anda depressa, senão qual teria sido o interesse em antes ter acelerado?!...
Dervich

rui disse...

O mais estranho é mesmo um estudante vir da Queima das Fitas às 05.30 "limpinho" de álcool ou drogas...

("limpinho" está para "limpar" como "de fininho" está para "a finar")

Rini Luyks disse...

Eu já sabia, um post deste género dá logo uma animação de caraças (obrigado, caro Xistosa!).
Num outro jornal foi noticiada a indignação dos crentes sobre a distribuição de um folheto onde foram referidos os prazeres mais mundanos que o peregrino moderno pode gozar em Fátima. Já no ano passado ouvi falar dum bar com dança do ventre nas imediações do Santuário! Faz todo o sentido: os peregrinos percorrem o caminho de joelhos para o Santuário e depois continuam gatinhando para o bar, onde já entram na postura certa para apreciar ao máximo as ondulações dos umbigos e baixo-ventres.

Obrigado, Dervich, pela explicação da palavra "vergada", então os peregrinos apanharam antes uma "vergalhada"..., mas agora vejo no meu velhinho dicionário Lello Escolar (!) que "vergalho" também pode significar: "orgão genital de boi ou cavalo, depois de cortado e seco". Meu Deus, o português é difícil!

Rini Luyks disse...

"Orgão", sem acento...estão a ver as implicações do novo Acordo Ortográfico!?
Ontem foi entregue no Parlamento a petição com 17.000 assinaturas contra. Eu assinei!

rui mota disse...

Os desígnios de Deus são insondáveis, caro Rini.
Já os de Fátima, são bem conhecidos...