24/03/2009

O fenómeno Jimmy Rosenberg

O último post do "patrão da barca" J. Rentes de Carvalho (blogue "Tempo Contado", link aqui ao lado nas nossas "Harmonias") revelou-me a existência de um fenómeno que eu desconhecia até agora: um dos maiores guitarristas "gypsy" da actualidade vive na minha provincia na Holanda e chama-se Jimmy Rosenberg. Ganhou fama internacional aos 10(!) anos de idade depois de uma actuação com o trio "Gypsy Kids" num programa de televisão "Django's Legacy" no Channel 4 (Inglaterra, 1990). No vídeo aqui acima ele já tem 12...

Ele fez tournée com o trio até 1997, ano em que começou uma carreira a solo. Em 2000 estreou-se no Carnegie Hall (Nova Iorque) no Django Reinhardt Festival e voltou a ser convidado nos anos seguintes. Mesmo assim continuou a viver numa "roulotte" no seu acampamento de ciganos em Asten (Holanda).

Problemas com drogas afastaram-no dos palcos, depois de uma reabilitação ele está agora a tentar relançar a carreira. No ano passado o canal independente holandês VPRO (de altíssimo nível cultural, nada a ver com uma "independência" tipo TVI) fez um documentário sobre ele, fragmento em http://www.youtube.com/watch?v=vyKssdzh77E

4 comentários:

Rui Mota disse...

Muito bom, mas isso já sabíamos da sua posterior carreira...

rui r disse...

Os géniozinhos têm normalmente esse problema... se o Mozart tivesse tido acesso à heroina não teria chegado a compor o requiem.

rui r disse...

Os géniozinhos têm normalmente esse problema... se o Mozart tivesse tido acesso à heroina não teria chegado a compor o requiem.

wagner disse...

Jimmy é sensacional. No dia em que eu ouvi um trecho de "The gipsy kid" que o maravilhoso Jon Larsen compos pro Jimmy tocar, eu simplesmente me apaixonei pela linha melódica do Jimmy. Apesar dos problemas consequentes das drogas, isso não tirou o brilhantismo desse musico sensacional. Sua tecnica então nem se fala..."unbelievable".