15/03/2009

O benfiquista ferido


Desculpa-lá, eu sei que isto é um blogue cultural, mas a alma do benfiquista ferrenho não resiste, pá! (especialmente depois de dois posts gratificantes sobre o Sporting).
Então ontem li uma reportagem de seis páginas na revista suplemento "cor-de-rosa" do Diário de Notícias (que comprei por causa de uma senha para conseguir o DVD do filme "Twin Peaks" hoje) sobre os "Dias de Paixão em Lisboa" do treinador do Benfica Quique Flores.
Ele mora num apartamento de luxo, é vizinho de José Sócrates, eles até já se cumprimentaram no elevador do prédio. Então o senhor treinador vai passar um bom bocado com uma jovem nórdica misteriosa que pelos vistos não é a mãe (que se chama Patricia Casanova, nome engraçado aliás) dos seus quatro filhos em Valencia, passeios num Mini-Austin, ver cinema, comer gelados, mas tudo bem, não tenho nada a ver com isso, são os tempos modernos.
Agora na hora da verdade: Benfica perde em casa, 0-1 contra Vítória de Guimarães, no puede ser, carajo!
Os vimaranenses foram uma só vez à baliza do Benfica e marcaram. Os benfiquistas tiveram inúmeras oportunidades de golo e não marcaram.
A situação não é nova: lembro-me de uma carta de um benfiquista no saudoso semanário satírico dependente "Fiel Inimigo", há uns 15 anos. Ele relatou problemas conjugais: depois de ver uns jogos do Benfica ele também começou a ter problemas de concretização na pequena área... da sua esposa!
Ou seja: é a saúde pública que está em causa!

1 comentário:

o homem sem qualidades disse...

não, é o que já todos sabemos... o Sporting vai ser campeão!!!