15/01/2011

Ficha de inscrição de Cavaco Silva na PIDE.

Pois é. É mesmo este o presidente que temos e o que talvez venhamos a ter outra vez...



7 comentários:

Maria disse...

Lindo!!!!!!!!!

;)))

Rini Luyks disse...

Ficha a reproduzir em milhões de exemplares em formato de rolos de papel higiénico reciclado com o texto imprimido em tinta biodegradável de betteraba (pois convém limpar em segurança).

Jorge Oliveira disse...

Está engraçado, mas a cor diferente das canetas utilizadas revelam o fraco "fake" que o documento é.

E sim, vou votar Cavaco (limpem-me o rabo com ficha... eheheheh)

Rui Rebelo disse...

@Jorge: Pode até ser falso. No mundo da política não existem santos. Aliás, estão todos comprometidos uns com os outros... Por isso a única saída é votar no menos mau e este é, sem dúvida, o pior. (pior só mesmo se o Santana Lopes fosse candidato)
Mas cada um é livre de votar em quem quiser.

Agora, sendo falso não seria com certeza por causa da cor diferente da caneta. Quem consegue falsificar um documento, consegue fazê-lo sempre com a mesma caneta :))

Rini Luyks disse...

Estás a ver, Rui?
O teu Ave Maria Miado afinal até trouxe ao nosso blogue um votante em Cavaco (cuja primeira dama se chama Maria) e ainda por cima um que se assume como tal (o que em princípio é louvável, "de viseira aberta" dizem os holandeses = jogo limpo).
Só que o encontro do terceiro grau que ele propõe ("limpem-me o rabo") é demasiado imediato para o meu gosto, não lhe vou fazer esse favor... :)!

Albertus disse...

Ó Rini,
e eu que pensava que sempre gostavas dos gatos, agora percebi:
se fosse uma gatinha a cantar, seria outra coisa, ne...:)
Quanto ao Cavaco, digo-te já:
depois dos Videla, Alfonsín, Menem, Duhalde, De la Rua (oh, noo)..etc., o Cavaco é um pão de Deus...

Rini Luyks disse...

A matter of taste, Albertus, os líderes/ditadores/carrascos da "tua" Argentina que mencionas pelo menos têm "contraste", é possível combatê-los, pegar neles.
O Cavaco é um homem cinzento, já foi Primeiro Ministro durante 10 anos (1985-1995) e Presidente durante 5 anos (2006-2011), já não posso com ele.
Na noite que ele ganhou as eleições presidenciais em Janeiro 2006 deixei carbonizar o meu jantar dentro da panela, estava a praguejar todo o tempo em frente ao televisor, não adianta nada, mas alivia...guardei a panela como relíquia.
No próximo domingo dia 23 se calhar vou jantar fora de casa.