23/09/2008

Primeira depressão outonal

Mesmo sabendo do que são capazes os serviços informativos da TVI: hoje de manhã fiquei surpreendido com a quantidade de desgraça que aquele locutor com voz esganiçada conseguiu transmitir em pouco mais de um minuto:
- assalto a uma bomba de gasolina em Carnaxide: não conseguindo levar o multibanco, os assaltantes deixaram-no à porta e "contentaram-se" com o roubo de um carro de alta cilindrada que estava a ser abastecido;
- o crédito mal parado subiu 24% desde o ano passado;
- o consumo de anti-depressivos subiu 20% no mesmo período, sobretudo na área de Lisboa e Vale do Tejo;
- numa operação de prevenção do crime o GNR deteve 4 pessoas: três armas de fogo ilegais e um caso de tráfego de droga em 300 carros fiscalizados;
- a multinacional Yazaki Saltano despediu 312 trabalhadores em Ovar.
"A seguir, caros telespectadores, o "rescaldo" das inundações e enxurradas no Porto e em Albufeira, mas primeiro temos ligação com o helicóptero TVI, como está o trânsito!?"

2 comentários:

Maria Velho disse...

como diz a canção: tudo isto é triste, tudo isto é fado!

( se trocarmos as vogais de fado fica uma forma verbal-vernáculo, claro que sim!-que representa a causa da actual síndrome depressiva da sociedade portuguesa...)

Ainda bem que eu de manhã sou cega, surda e muda( tenho um acordar difícil!)

Abraço(s)

RM disse...

Realmente é o que está a dar, "desgraças", mortes e coisas do género!
Bem vindo ao Outono... haha